15 de julho de 2012

Falcão sobre o jahia na zona de rebaixamento: "Não deveria ser novidade"

Aposto que isso ainda vai ser motivo pra saída de Falcão... srsrrss

‘Não deveria ser novidade’, diz Falcão sobre ameaça de rebaixamento

O Bahia está em situação delicada na Série A do Campeonato Brasileiro. Depois de ter escapado do rebaixamento nas últimas rodadas no ano passado, o Tricolor volta a frequentar a zona de degola. Com sete pontos em oito jogos disputados, a equipe está na 17ª colocação e já começa a preocupar o torcedor em relação a uma volta para a Segunda Divisão.

Ciente da dificuldade e da atual situação da equipe, o treinador reconheceu que o momento não agrada ninguém, mas lembrou que o Bahia já viveu circunstâncias similares em outros anos.

- Já se poderia estar acostumado a isso, porque o Bahia teve alguns anos nessa dificuldade. Não deveria ser novidade para ninguém. Novidade é para mim, porque essa zona não me satisfaz. Mas eu sei que os jogadores também estão trabalhando. Tem várias maneiras de ver futebol. Tem a maneira objetiva, que é essa que eu estou tentando passar para vocês, com os adversários complicados, jogadores chegando, voltando... Por isso talvez o resultado não aconteça. E tem outra maneira muito passional: está tudo ruim. Não compactuo com isso. Não compactuava quando era jornalista, e foram 30 anos. E não compactuo agora, por uma questão de coerência.

Depois de passar sete anos fora da elite do futebol nacional, o Bahia voltou à Série A do Brasileiro no ano passado. Sob os comandos de René Simões e Joel Santana, o Tricolor terminou a competição de 2011 na 14ª colocação com 46 pontos conquistados. O risco do rebaixamento só foi afastado na penúltima rodada, após empate em 2 a 2 com o Santos, na Vila Belmiro.

Neste Brasileiro, o Bahia conseguiu vencer apenas uma partida - 2 a 1 sobre o Sport. Por outro lado, o Tricolor foi derrotado por São Paulo, Vasco e Botafogo. O time de Falcão empatou ainda com o Santos, Atlético-MG, Figueirense e Internacional. No ano passado, na oitava rodada, o Bahia estava com nove pontos ganhos e ocupava o 14º lugar.

Para melhorar a situação do time neste ano, Falcão destacou que é necessário ter equilíbrio - tanto nas críticas feitas pela imprensa quanto com os jogadores dentro de campo.

- A gente tem que ter a capacidade de entender que o que nós precisamos é vencer o jogo de domingo. Não é por uma questão de pressão, mas por merecimento, pelo trabalho que eles vêm fazendo. A gente não pode ter duas posturas. Contra o Inter eram só elogios, contra o Botafogo só críticas. O objetivo é sempre o equilíbrio. No momento é difícil uma equipe que consiga manter o mesmo ritmo por 90 minutos. Quase que impossível. O que a gente quer é um time que possa ter o equilíbrio na maior parte do tempo. Todo dia a gente busca isso.

A próxima oportunidade de demonstrar equilíbrio em campo será no domingo. O Bahia vai enfrentar o Flamengo pela nona rodada da Série A. Para a partida, o treinador alterou o esquema tático do time e reforçou o meio de campo com a entrada de Diones no lugar de Elias, que ficou de fora do treino desta sexta-feira por causa de dores na canela.

Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

2leep.com